Marrocos e Croácia não saem do zero na abertura do Grupo F na Copa do Mundo

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn

PUBLICIDADE

Duelo é o terceiro a terminar sem gols nesta fase do Mundial

Nesta quarta-feira, no Estádio Al Bayt, Marrocos e Croácia se enfrentaram na abertura do Grupo F e ficaram no empate sem gols. É a terceira partida que termina em 0 a 0 nesta Copa do Mundo.

Com o resultado, ambas as seleções somaram um ponto e ocupam os primeiros lugares (Bélgica e Canadá, que também compõem o grupo, se enfrentam às 16h). No próximo domingo, Marrocos enfrenta a Bélgica, às 10h (de Brasília), e a Croácia tem um confronto com o Canadá, às 13h (de Brasília).

PRIMEIRO TEMPO SEM EMOÇÃO

O primeiro tempo mostrou duas equipes sem objetividade, principalmente em relação ao último passe. Poucas finalizações levaram perigo. Aos 16 minutos, Perisic tentou de longe e a bola passou raspando no travessão. Foi a única tentativa do atacante que quase não apareceu no setor ofensivo.

O Marrocos se fechou no seu campo de defesa e teve chances de chegar no ataque, mas sem levar perigo ao gol adversário. Os marroquinos também tiveram algumas faltas perto da área que não conseguiram aproveitar.

A Croácia manteve um meio de campo consistente com Brosovic, Kovasic e Modric. Apesar de mais posse de bola, a seleção europeia não levou perigo devido a falta de intensidade no ataque. Apenas nos acréscimos os croatas foram mais agudos. Bono, goleiro do Marrocos, fez uma defesa difícil em uma finalização da pequena área do Vlasic. No lance final da primeira etapa, Modric soltou uma bomba que passou perto do gol.

SEGUNDO TEMPO MELHOR, MAS SEM GOLS

O início da segunda etapa começou mais animada e movimentada para ambas equipes. Aos cinco minutos, o Marrocos levou perigo em uma cabeçada de Mazraoui, mas Livakovic fez boa defesa. Na sequência, a seleção croata teve uma boa oportunidade em uma bola levantada que Bono tirou no soco. No rebote, Lovren finalizou, mas Amrabat tirou quase dentro do gol.

A seleção africana conseguiu sua melhor chance em uma falta no ataque aos 19 minutos. Hakimi soltou uma bomba no meio do gol, mas Livakovic tirou de soco.

O Marrocos passou grande parte com o time todo na defesa esperando uma bola para o contra-ataque, que quando acontecia, não estava sendo efetivo no último passe. Já a Croácia não tinha velocidade no setor ofensivo. Quando chegavam mais perto do gol, os marroquinos apertavam a marcação e conseguiam recuperar a bola.

Fonte: Lance.com.br

Foto: Ozan Kose/AFP

Acesse Também