Santos e São Paulo empatam clássico sem gols na Vila Belmiro

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn
Foto: Jefferson Aguiar/Pera Photo Press/Gazeta Press

PUBLICIDADE

Santos e São Paulo entraram em campo na Vila Belmiro para o clássico San-São, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro, que terminou empatado sem gols neste domingo (12), apesar das grandes oportunidades de bola na rede durante os 90 minutos.

O time da Vila pulou de 41 para 42 pontos, mas acabou perdendo uma posição na tabela porque o rival Corinthians venceu, caindo para a 14ª colocação. A situação do clube da capital é bem mais tranquila, já que alcançou 46 pontos e segue cumprindo tabela, mas também desceu do nono para o décimo lugar, já que o Cuiabá venceu.

O clássico começou disputado na Vila Belmiro, em que ambos os times queriam uma vantagem no placar e demonstraram plena convicção de que queriam conquistar os três pontos.

Com 22 minutos no relógio, o Santos conseguiu bom contra-ataque quando Luciano devolveu a bola para Beraldo e Nonato roubou em velocidade. Depois de passar por Marcos Leonardo, ela sobrou nos pés de Soteldo, que em sua característica puxou da direita para o centro e finalizou, mas a bola foi fora.

Cinco minutos depois foi a chance do São Paulo, quando Michel Araújo armou a transição ofensiva e lançou Juan na linha de fundo, que recuou para Caio Paulista cruzar na área. A bola do lateral foi na cabeça de Michel Araújo, entrando na pequena área, mas a cabeçada acabou desviando em Jean Lucas e subindo, carimbando o travessão e indo fora.

Aos 36, Wellingto Rato roubou na intermediária e tocou para Alisson cruzar para Juan na pequena área, mas João Paulo espalmou e ela sobrou novamente em Rato, que finalizou em cima da marcação e ganhou apenas escanteio.

Quem começou melhor no segundo tempo foi o Santos, que, com a entrada de Rodrigo Fernández no lugar de Maxi Silvera, ganhou consistência na defesa e melhor poder de criação no ataque. No entanto o São Paulo foi fatal aos sete minutos, quando Marcos Leonardo errou um passe e armou o contra-ataque do rival. Luciano lançou Rato, que cruzou para Juan marcar de carrinho, mas a tecnologia de vídeo acabou encontrando o camisa 27 a frente da última linha quando foi receber o passe, anulando o tento sãopaulino.

O jogo acabou perdendo bastante volume com o desgaste, mas o Santos ainda sofreu duas finalizações que arriscaram a conquista de um ponto. Primeiro com Erison de cabeça, que passou perto da meta, e na sequência com David, que finalizou rasteiro cruzado e João Paulo foi buscar no cantinho antes da bola tocar na trave, segurando o empate sem gols.

Depois de disputar o clássico Sansão, o Santos volta a campo no próximo domingo (26), às 16h, visitando o candidato ao título Botafogo no Nilton Santos, no Rio de Janeiro. O São Paulo também joga no domingo, no entanto entra em campo às 18h30, no Morumbi, onde recebe o Cuiabá, pela 35ª rodada do Brasileirão.

Fonte: Federação Paulista de Futebol

Acesse Também

A Câmara Municipal de Americana realiza nesta quarta-feira (19) a partir das 10h, no Plenário Dr. Antônio Álvares Lobo, a 12ª reunião do Fórum Permanente