Programação do Dia da Consciência Negra tem início em Americana

Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn
Foto: Divulgação

PUBLICIDADE

A oficina temática “Reflexões sobre o Preconceito Racial” abriu a programação especial do Dia da Consciência Negra no CRAS (Centro de Referência da Assistência Social) da Vila Mathiensen, na manhã desta segunda-feira (13). Participaram da oficina as famílias contempladas no programa “Americana Alimenta”.

A atividade foi ministrada pela atriz Adriana Ferreira, dos coletivos de igualdade racial Centro Cultural Candeeiro e Ameriafro (Feira de Arte + Cultura Afro Brasileira). O tema “Igualdade Racial” será abordado pela Prefeitura de Americana, por meio da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos, ao longo de novembro.

A palestrante explanou sobre as várias formas e tipos de manifestações do racismo no Brasil: racismo direto ou crime de ódio, racismo estrutural, racismo recreativo e racismo institucional. Também foi abordada a questão da escravidão, tráfico de negros, entre outros temas, visando reforçar a importância do Dia da Consciência Negra, celebrado no dia 20 deste mês.

“Foi montada uma programação especial para a abordagem do Dia da Consciência Negra em Americana, com palestras e atividades para a reflexão e informação sobre a igualdade racial, visando a conscientização da sociedade”, disse a secretária de Assistência Social e Direitos Humanos, Juliani Hellen Munhoz Fernandes.

O tema “Igualdade Racial” também foi debatido, na manhã desta segunda-feira, durante a realização de uma roda de conversa entre as crianças e adolescentes que fazem parte do SCFV (Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos) mantido pelo SESPA (Serviço Social Presbiteriano de Americana), na Vila Mathiensen.

A atividade teve a participação da técnica de referência de Políticas Públicas de Igualdade Racial e primeira secretária do COMPIR (Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial), Adriana Gomes dos Santos Soares.

Confira as próximas ações do Dia da Consciência Negra em Americana:

Dia 16 – 14h, no Cadastro Único – “Roda de Conversa: Consciência Negra”. Palestrantes: integrantes do coletivo da igualdade racial.

Dia 22 – 8h30 às 10h, no Cras São Jerônimo – “Palestra: Consciência Negra”. Palestrantes: integrantes do coletivo da igualdade racial. Realização: Cras São Jerônimo e SCFV Diaconia São Judas Tadeu (Caminho).

Dia 23 – 9h, no SCFV APAM Praia Azul – “Workshop de turbantes e makes”. Tema: Igualdade Racial, Grupo de Mulheres. Palestrantes integrantes do Coletivo da Igualdade Racial.

Dia 23 – 13h30, no Cras São Manoel – “Roda de Conversa: Consciência Negra”. Grupo de adolescentes do SCFV. Palestrantes: integrantes do Coletivo da Igualdade Racial. Realização: Cras São Manoel e SCFV SOMA.

Dia 23 – 19h, na Feira do Zanaga – “Apresentação cultural: Maracatu”. Realização: Cras Nossa Senhora Aparecida e SCFV Cruzada das Senhoras Católicas.

Dia 29 – 14h, no Cras Nossa Senhora Aparecida – “Oficina: Turbante”. Palestrantes: integrantes do coletivo da igualdade racial.

Dia 4/12 – 11h30, no SCFV da APAM na Praia Azul – “Desfile com roupas e adereços” e “Roda de conversa: Valorização da história, arte e cultura do Negro”. Realização: SCFV APAM.

Fonte: Prefeitura de Americana

Acesse Também